Ir para a página inicial de segurança Digital

A conclusão iminente do Mundo Copa do Brasil 2014 lançou uma operação de segurança e vigilância sem precedentes. Doze Integrado de Comando e Centros de Controle de (CICC) nas cidades-sede do evento e trabalhar para garantir a proteção de equipes participantes, visitantes e instalações.

Centro controle Rio de Janeiro

O 12 Junho, data em que a Copa do Mundo Brasil 2014 vai começar, ser também o momento em que a operação de segurança implantado em doze locais em que o evento esportivo é realizado, cada um dos quais tem um Centro de Comando e Controle Integrado (CICC) estão no mais alto nível de desempenho e monitoramento.

CICC Estes são, por sua vez conectado com o nacional, uma localizada no Rio de Janeiro e Brasília, responsável por facilitar a troca de informação e de vigilância de segurança operacional de vídeo em alta definição toda a sede mundial do Brasil.

Controle central Brasil2014

A operação planejada pelo governo brasileiro para garantir a segurança da Copa do Mundo 2014, o maior até agora em um campeonato de Fifa, mobilização fornece 170.000 policiais e soldados, com um investimento de mais de 1.900 milhões de reais (sobre 619 milhão).

Todos CICC monitorado 24×7 a análise de segurança inteligente de dados implantado em cada local da Copa do Mundo 2014, onde as câmeras de vigilância e sistema de segurança pública e de mobilidade integrado.

Além das câmeras IP instaladas em estádios, outra das principais tecnologias de acesso a documentos é com impressão digital biométrica (projetado principalmente para cada seleção inchada ou 'torcida', como é conhecida no Brasil), de modo que a cada instante sede da CICC terá informações detalhadas de quem entra no estádio.

Neste sentido, o chamado Seguro Consórcio Brasil selecionou o equipamento de rede IP e comunicação especializada Redes de extremas infra-estrutura de gestão durante os doze CICC mundial.

Centro de controle de Porto Alegre Brasil2014

Cicco de Porto Alegre

Para a cobertura do estádio Beira-Rio, uma das sedes para a Copa do Mundo em cinco jogos, que será realizada, e da cidade de Porto Alegre, CICC localizado neste local será responsável pelo monitoramento 2.100 câmeras implantadas ao longo das ruas e no estádio, transformar ligado ao controle do Estado central,.

A partir deste controle e monitoramento ambiental, abriu só um mês, também coordenar as ações de segurança pública, emergência e defesa durante esse evento esportivo.

A sala de operações de Porto Alegre CICC tem um videowall composto 56 monitores, cada um dos quais tem uma tela de 55 ", que mais de sessenta estações de trabalho equipadas com um computador com duas telas adicionado para técnicos de reproduzir e analisar 24×7 qualquer uma das imagens que capturam as câmeras de vigilância distribuídas em quatro pontos diferentes da cidade.

Centro de controle de BrasíliaA parede de vídeo é conectado ao sistema de vigilância da cidade e do estádio, Além de ferramentas de comunicação e mapas das doze sedes da Copa do Mundo de Futebol, e locais de treinamento e alojamento das equipes na mesma; informação recebida a partir de cada um dos CIC e 36 plataformas de observação de altura.

As imagens gravadas em Porto Alegre CICC serão armazenadas por um período de 60 dias, para o que tem quase 270 servidores e sistemas de armazenamento.


Seja sociável, Ação!

Gostou deste artigo?

Assine nossa Feed RSS e em se perderá nada.

Outros artigos sobre , ,
Por • 9 Junho, 2014
• Seção: Estudos de caso, Comunicações, Controlo de acessos, Sistemas de controle, FOCO PRINCIPAL, Eventos, Segurança Urbana, CCTV